A vista depende do olhar

“Mesmo que a janela seja a mesma, nem todos os que se debruçam veem as mesmas coisas: a vista depende do olhar.” (Alda Merini)

Aproveitando a poetisa italiana para relembrar o modelo cognitivo, pois é essencial identificá-lo no dia a dia…

Cada um de nós vê a mesma situação de maneiras diferentes… curioso, não?

Por isso é importante a cada momento eu tentar me tornar consciente de como estou pensando sobre essa situação que estou vivendo agora…

E aí…. ai, ai, ai… conforme eu penso… e se o meu pensamento não estiver bem perto da realidade, heim? Se estiver “meio torto”? Distorcido?… só sofrência, anos a fio … vida a fio …

E conforme eu “pensar” / “olhar”… terei uma emoção diferente… numa intensidade diferente…. como imaginar regulação emocional se eu antes não conhecer meus pensamentos e emoções (autoconsciência, diria o Daniel Goleman)?

Mais um pouco: penso, recebo a emoção correspondente e… ajo… meu comportamento será consequência, então….

O modelo do quase centenário Aaron Beck pode ser técnico… mas está no cotidiano…. e a poesia de Alda Merini dá a leveza, o comparativo para entendermos…

Bom, né?!

Publicado no Instagram pelo Psicólogo Pascoal Zani, CRP 08/004471, em 04.07.2021

terapiacognitivocomportamental #psicologia #modelocognitivo #pensologomeemociono # #inteligenciaemocional #ansiedade #poesia #poema #leveza #comportamentohumano #tcc #sentimentos

Leave a Reply

Your email address will not be published.